quarta-feira, 30 de julho de 2014

Retro (52)


Para celebrar a próximidade do pico mais alto da época balnear - o mês de Agosto - aqui fica esta imagem refrescante. Atente-se, no entanto, na elegância do cavalheiro da esquerda, que só terá perdido a compostura das ancas para baixo, mantendo-se inteiramente formal, para cima...

com agradecimentos a A. de A. M. .

8 comentários:

  1. Outras épocas, outras épocas. Agora, nem pêlo têm, porque o tiram...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. E há senhoras, agora, que o deixam crescer - é o mundo às avessas, de que já falava Camões...

      Eliminar
  2. A foto é giríssima! E o cavalheiro...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O cavalheiro, não sei bem porquê, fez-me lembrar o Teixeira Gomes, embora muito mais despojado, e sem estética..:-)

      Eliminar
  3. Gostei bastante, sobretudo do cavalheiro. Poderia ser o Columbano se alguma vez tivesse ido à praia. Bom dia!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Se o diz, tenho que aceitar, Margarida..:-)
      Boa tarde!

      Eliminar
  4. É engraçado. Tanta compostura numa situação destas, fica cómico.
    Bom dia !

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Na verdade, é totalmente despropositada..:-))

      Eliminar