segunda-feira, 22 de dezembro de 2014

James Simmons (Irlanda do Norte, 1933-2001)


Um poema de aniversário

para Rachel

Por cada ano de vida nós acendemos
uma vela no teu bolo
para assinalar uma espécie de progresso
que todos podem cumprir,
e depois, para testar tua fibra ou dar
uma ideia da morte,
pedimos-te que apagues todas as velas, cada ano,
com o teu próprio sopro.

4 comentários:

  1. Estou quase como o Pessoa: "no tempo em que festejavam o dia dos meus anos". Sem pachorra para festejos. :)
    Miss Tolstoi

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Aí, estamos em sintonia. O mínimo chega...

      Eliminar
  2. Mais um poeta meu desconhecido. Gostei.
    Tb já não ligo muito a festejos. :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A Irlanda sempre teve bons poetas...
      Com os tempos que correm, não apetece festejar nada.

      Eliminar