quinta-feira, 9 de fevereiro de 2017

Pinacoteca Pessoal 121


É, no meu entender, um dos retratos mais interessantes e singulares da Tate Britain (Londres), que encerra algumas dúvidas, provavelmente eternas. Sabe-se que é uma pintura do início do século XVII, provavelmente executada para a família de Thomas Cholmondeley, entre 1601 e 1610. O seu autor, perfeccionista e algo naïf, é desconhecido. As retratadas, filhas (?) do cavalheiro inglês, eram provavelmente gémeas e, por sua vez, teriam tido filhos, pela mesma altura. Aventa-se a sua identificação como sendo, já com o apelido de casadas: Lettice Grosvenor (1585-1612) e Mary Calveley (1585?-1616).
A obsessiva simetria do retrato faz dele um caso único (julgo), digno de estudo. E apreciação.

10 comentários: