quinta-feira, 23 de fevereiro de 2017

Das menos ouvidas, talvez por ser menos consensual...

Na passagem dos 30 anos da morte de José Afonso (1929-1987).

8 comentários:

  1. Música com palavras, que infelizmente continuam
    a ser actuais. Gostei da sua escolha.
    José Afonso merece ser recordado.
    Boa noite.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É verdade, infelizmente.
      Obrigado.
      Bom dia!

      Eliminar
  2. É bem verdade, desconhecia esta canção.

    ResponderEliminar
  3. Pois eu não é das cações que prefiro dele: nem a canção nem o cd.
    Mas... José Afonso sempre!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Quando, hoje, as 62 pessoas mais ricas do mundo têm a riqueza equivalente a metade da Humanidade, vê-se que o fosso aumentou imenso desde que José Afonso cantou estas palavras...
      Bom dia!

      Eliminar
  4. Bom dia! De recordar, sempre! A canção de intervenção faz falta, especialmente com qualidade, como era o caso do Zeca Afonso!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É verdade e hoje as palavras de intervenção vão mesmo rareando.
      Bom dia!

      Eliminar